Patrimônio Cultural: Valores e Visões na Região do Grande ABC

Silvia Helena Passarelli, Luiz Roberto Alves

Resumo


A preservação do patrimônio cultural tem sido debatida desde os anos 1930 no Brasil, porém tem se explicitado de forma mais contundente a partir dos anos 1980, envolvendo a participação da sociedade civil na defesa da cultura, com endosso da Constituição Brasileira aprovada em 1988. É essa também a experiência da Região do Grande ABC, uma região industrial e operária localizada junto à capital do Estado de São Paulo. O debate vivenciado pela região sobre o patrimônio resultou na organização de centros de preservação, movimentos sociais pela preservação e implantação de conselhos de preservação do patrimônio. Atitude importante na amplificação desse processo se deu com a presença do jornal Diário do Grande ABC, ao debater e propor alternativas para o desenvolvimento regional. Este artigo propõe- se a analisar as visões e valores externados por esse veículo, identificando as relações com os conceitos estabelecidos pelos organismos internacionais de preservação do patrimônio e consequências sobre a efetiva preservação da identidade cultural regional.

Palavras-chave


Patrimônio Cultural; Percepção; Preservação; Identidade; Regionalidade.

Texto completo:

PDF () PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/23172428rigs.v2i2.9874