A Produção de Bens Simbólicos com Tecnologia Musical: O Estudo de uma Empresa de Software para Educação Musical no Porto Digital

Anderson Diego Farias da Silva, Nelson da Cruz Monteiro Fernandes, Osíris Luís da Cunha Fernandes, Fernando Gomes de Paiva Júnior

Resumo


Este estudo tem por objetivo compreender como ocorre a produção dos bens simbólicos numa empresa desenvolvedora de Software para Educação Musical (SEM) situada no Porto Digital, em Pernambuco. A estratégia de análise de conteúdo temática de entrevistas e documentos permitiu a identificação dos significados culturais associados à produção desse software como bem de consumo. Os resultados revelam que os Softwares para Educação Musical (SEM) agregam elementos socioculturais e expressões individuais de seus consumidores, ao ampliarem as chances de recepção de uma avaliação positiva e compra por parte do seu público alvo.

Palavras-chave


Produção; Bens Simbólicos; Porto Digital; Software para Educação Musical; Inovação.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/23172428rigs.v2i2.9871