Marketing e Estudos Organizacionais: O Fim do Divórcio

Cristiana Trindade Ituassu, Matheus Santana Abreu, Rodrigo Hilário Fiche, Carolina Machado Saraiva de Albuquerque Maranhão

Resumo


Propomos uma aproximação entre o Marketing e os Estudos Organizacionais (EO), pela via da crítica. Considerando a centralidade do consumo na pós-modernidade, não lhe cabem posições marginais neste campo do conhecimento. E, se a compreensão do consumo, especialidade do Marketing, é útil para os EO, a contribuição que os EO podem oferecer liga-se aos estudos críticos em gestão, capazes de auxiliar na construção de teorias e práticas mercadológicas menos alienadas e alienantes. Recomendamos pensar essas questões buscando uma perspectiva nacional, considerando nossa tradição crítica autônoma, o papel do país como grande mercado e o crescimento do consumo em terras brasileiras.


Palavras-chave


Marketing; Estudos Organizacionais; Pós-modernidade; Pós-modernismo; Consumo

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/23172428rigs.v4i1.9069