A Memória na História Oral de Vida dos Idosos

Jessica Syrio Callefi, Elisa Yoshie Ichikawa

Resumo


Uma das maneiras de acessar a subjetividade dos sujeitos dentro da pesquisa qualitativa é utilizando a história oral de vida. Este caminho metodológico vem ganhando espaço dentro das pesquisas científicas que se interessam por informações obtidas com base nas percepções dos indivíduos. A partir deste contexto, este estudo tem o intuito de compreender o papel da memória do indivíduo dentro da história de oral de vida. Foram coletadas e analisadas sete histórias de vida, cujos protagonistas são idosos, moradores de um asilo. A importância deste estudo perpassa a compreensão da mudança das memórias dos indivíduos com o passar do tempo, o que reflete questões geracionais, visto que o presente interfere na maneira do indivíduo compreender as memórias do passado. Apontam-se, como resultados desta pesquisa, que as lembranças mais vívidas nas memórias dos indivíduos entrevistados são aquelas que relacionam os fatos do passado com a vida atual do indivíduo, e aquelas lembranças que geram contradições do passado em relação à realidade atual que vivenciam.


Palavras-chave


Pesquisa Qualitativa; Memória; Idosos.

Texto completo:

PDF

Referências


BARROS, V. A.; LOPES, F. T. Considerações sobre a pesquisa em história de vida. In: SOUZA, E. M. (Org.). Metodologias e analíticas qualitativas em pesquisa organizacional: uma abordagem teórico-conceitual. Vitória: EDUFES, 2014. p. 41-63.

BERGSON, H. Matéria e Memória: Ensaio sobre a relação do corpo com o espírito. São Paulo: Martins Fontes, 2006.

BOM MEIHY, J. C. S. Manual de História Oral. 4. ed. São Paulo: Loyola, 2002.

BOSI, E. Memória e Sociedade: Lembranças de velhos. 16. ed. São Paulo: Companhia das Letras, 2010.

DENZIN, N. K; LINCOLN, Y. S. O planejamento da pesquisa qualitativa: teorias e abordagens. 2. ed. Porto Alegre: Artmed, 2006.

GODOI, C. K.; MATTOS, P. L. C. L. Entrevista qualitativa: instrumento de pesquisa e evento dialógico. In: GODOI, C. K.; BANDEIRA-DE-MELLO, R.; SILVA, A. B. (Org.). Pesquisa qualitativa em estudos organizacionais: paradigmas, estratégias e métodos. São Paulo: Saraiva, 2006. p. 301-323.

GONÇALVEZ, R. C.; LISBOA, T. K. Sobre o método da história oral e sua modalidade trajetórias de vida. Rev. Katálysis, v. 10, n. especial, p. 83-92, 2007.

HALBWACHS, M. A memória coletiva. 2. ed. São Paulo: Centauro, 2009.

IBGE - INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA. Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios, 2016. Disponível em: < http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/populacao/condicaodevida/indicadoresminimos/sinteseindicsociais2016/default_tab_xls.shtm>. Acesso em: 21 jul. 2017.

ICHIKAWA, E. Y.; SANTOS, L. W. Contribuições da história oral à pesquisa organizacional. In: SILVA, A.; GODOI, C. K.; MELLO, R. B. (Org.). Pesquisa qualitativa em estudos organizacionais: paradigmas, estratégias e métodos. São Paulo: Saraiva, 2006. p. 185-209.

JOAQUIM, N. F.; CARRIERI, A. P. Construção e desenvolvimento de um projeto de história oral em estudos sobre gestão. Organizações & Sociedade, v. 25, n. 85, p. 303-319, 2018.

JOUTARD, P. Desafios à história oral do século XXI. In: FERREIRA, M. D. M.; FERNANDES, T. M.; ALBERTI, V. História oral: desafios para o século XXI. Rio de Janeiro, Editora Fiocruz, 2000. p. 31-46.

LE GOFF, J. História e memória. Campinas: Editora da Unicamp, 1990.

MORI, N. N. R. Memória e Identidade: Travessia de velhos professores. Maringá: EDUEM, 1998.

POLLAK, M. Memória e identidade social. Estudos Históricos, v. 5, n. 10, p. 200-212, 1992.

SOUZA, F. S. O ensino de discriminações condicionais para idosos com comprometimento cognitivo. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2011.

VARGAS-SANTILLÁN, M. L.; ARANA-GÓMEZ, B.; GARCÍA-HERNÁNDEZ, M. L.; RUELAS-GONZÁLEZ, M. G.; MELGUIZO-HERRERA, E.; RUIZ-MARTÍNEZ, A. O. Significado de salud: la vivencia del adulto mayor. Aquichan, v. 17, n. 2, p. 171-182, 2017.

THOMSON, A. Aos cinquenta anos: uma perspectiva internacional da história oral. In: FERREIRA, M. D. M.; FERNANDES, T. M.; ALBERTI, V. História oral: desafios para o século XXI. Rio de Janeiro: Editora Fiocruz, 2000. p. 47-66.

WHITAKER, D. C. A. Análise de entrevistas em pesquisa com história de vida. Caderno CERU, v. 2, n. 11, p. 147-158, 2000.