A Criatividade no Empreendedorismo Social: Motivação, Experiência e Habilidade, Juntas para o Bem Comum

Jéssica Moliterno Genú, Carla Regina Pasa Gómez, Henrique Muzzio

Resumo


As adversidades sociais presentes na contemporaneidade colaboram para o surgimento de ações no campo social que buscam minimizar os efeitos negativos do sistema econômico vigente. Neste contexto, a criatividade social emerge como um meio para alcançar tal propósito. A partir de manifestos criativos, muitos empreendedores sociais fomentam inovações em prol da geração de impacto social significativo, entretanto, apesar da relevância atribuída a tais empreendedores, o Brasil ainda carece de pesquisas acerca do Empreendedorismo Social (ES). Assim, o objetivo deste trabalho consiste na análise dos fatores relacionais – experiência, motivação e habilidade criativa propostos por Amabile (1997) – em um empreendimento social incubado, realizando-se, para isso, uma pesquisa qualitativa exploratória descritiva. Os resultados confirmam que o empreendedor social necessita ser criativo para se manter atuante e que os fatores relacionais podem colaborar para o desenvolvimento da criatividade.


Palavras-chave


Criatividade; Empreendedorismo; Empreendedorismo Social; Inovação; Inovação Social.

Texto completo:

PDF