Lésbicas negras, identidades interseccionais

Ariana Mara Silva

Resumo


O objetivo do presente artigo é refletir sobre as identidades lésbicas negras enquanto interseccionais e construídas em uma relação dialética com o universo de representações de uma sociedade machista, racista e lesbofóbica. Através de alguns apontamentos sobre fascismo simbólico e colonialidade do poder procura-se um entendimento sobre como se deu a construção das identidades latino-americanas, bem como as funções e posições impostas a elas. Esse artigo conta também com uma reflexão sobre as resistências existentes analogamente a essas imposições. 

Texto completo:

PDF