Adoção do Modelo de Planejamento Estratégico Situacional no Setor Público Brasileiro: um Estudo de Caso

Francisco Sobreira Neto, Flávio Hourneaux Júnior, Edison Fernades Polo

Resumo


Apesar da indiscutível importância do planejamento estratégico em organizações do setor privado, quando se trata de experiências semelhantes em órgãos do setor público brasileiro, os relatos tornam-se mais escassos, com metodologias utilizadas não claramente definidas, geralmente adaptações, não tendo sido formuladas especificamente para a administração pública. Este artigo visa identificar os principais elementos referentes à metodologia do Planejamento Estratégico Situacional (PES), e sua adoção pela Coordenadoria da Administração Tributária (CAT) do Estado de São Paulo. Trata-se de uma pesquisa exploratória com a utilização do método do estudo de caso, tendo sido selecionada uma experiência de destaque na administração pública tributária brasileira, apropriada para o estudo de caso único. São abordados no texto: os principais conceitos da administração estratégica na administração pública; o processo de planejamento estratégico da CAT com a adoção do PES; os principais resultados obtidos; e, finalmente, as conclusões e recomendações pertinentes, dentro do contexto do caso estudado.

Texto completo:

PDF


ISSN (Online) 1984-9230 - (Impresso) 1413-585X - Qualis CAPES A2