A Analítica de Foucault e suas Implicações nos Estudos Organizacionais sobre Poder

Eloisio Moulin de Souza, Gelson Silva Junquilho, Leila Domingues Machado, Monica de Fátima Bianco

Resumo


A "Critical Management Studies (CMS)" ou Teoria Crítica em Administração tem sido utilizada por muitos pesquisadores organizacionais. Dentro da teoria crítica temos correntes marxistas, neo-marxistas e foucaultianas. A analítica foucaultiana aparece, nesse contexto, como uma alternativa para os estudos organizacionais que envolvem a temática “poder”. Mas, para que tais estudos repercutam a analítica de poder estabelecida por Michel Foucault, faz-se necessário entender o que seja uma pesquisa genealógica. Assim, o objetivo deste artigo é esclarecer, por meio de uma pesquisa bibliográfica, o que é uma pesquisa genealógica e qual a sua relação com a analítica foucaultiana de poder, bem como mostrar a forma correta de utilizar o pensamento de Foucault nos estudos organizacionais.

Texto completo:

PDF


ISSN (Online) 1984-9230 - (Impresso) 1413-585X - Qualis CAPES A2