MODELO LÓGICO DA INFORMAÇÃO ARQUIVADA NO OPEN ARCHIVAL INFORMATION SYSTEM: uma reflexão arquivística

Henrique Machado dos Santos, Daniel Flores

Resumo


A constante produção de documento digitais no âmbito da Arquivística ocasionou um processo de revisão teórico-prático. Como consequência, além de custodiar documentos analógicos, os arquivos passaram também, a custodiar documentos digitais. No entanto a sua preservação é dotada de complexidades tecnológicas e especificidades arquivísticas, e para sanar tais necessidades, tem-se discutido a implementação de políticas, estratégias e repositórios digitais em conformidade com o modelo Open Archival Information System (OAIS). Para fins deste estudo, aborda-se o modelo lógico da informação arquivada, proposto pelo OAIS, com o objetivo de identificar e apontar convergências com a Arquivística. A metodologia consiste no levantamento bibliográfico composto por livros, publicações técnicas e artigos científicos, caracteriza-se assim, como um artigo de revisão assistemática. Como resultado, observaram-se convergências entre a Arquivística e o modelo lógico da informação arquivada presente no OAIS em relação à organicidade, proveniência, custódia e acesso. Dentre os principais apontamentos, ressalta-se a pertinência do modelo lógico da informação arquivada, o qual proporciona confiabilidade aos documentos arquivísticos custodiados, e assim reforça a possibilidade de implementar repositórios arquivísticos digitais confiáveis, em conformidade com o OAIS.

Palavras-chave


Preservação digital; Documento arquivístico digital; Repositório digital; OAIS; Arquivística

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/rpa.v13i2.29141

PontodeAcesso. ISSN: 1981-6766