DIVERSIDADE CULTURAL E PRODUÇÃO COLABORATIVA NO PONTÃO DE CULTURA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA

Clóvis Montenegro de Lima, Alessandra Galdo, Marilia Bittencourt, Tahiná Lameiras Diniz

Resumo


Neste artigo descreve-se o processo de implantação do Pontão de Cultura na UFSC. São apresentados a estratégia e os conceitos orientadores dos Pontos e Pontões de Cultura, do programa Cultura Viva do Ministério da Cultura. O conceito de diversidade cultural é consagrado em declaração da UNESCO de 2002. A produção colaborativa é forma solidária de ação coletiva, que pode ser potencializada pelo uso das novas tecnologias de informação e comunicação. A implantação do Pontão pode ampliar o acesso e o uso ativo dos meios de produção cultural na Universidade e fomentar a implantação de Pontos de Cultura em Santa Catarina. Conclui-se que a UFSC deve interiorizar o conceito de diversidade cultural e incorporá-lo nas suas ações, inclusive na formação profissional, e que o Pontão deve interagir e colaborar com as redes de produção cultural e de economia solidária para preservar e promover a diversidade cultural.

Palavras-chave


Diversidade cultural ; Produção colaborativa ; Pontos de Cultura ; Pontão de cultura ; UFSC.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/1981-6766rpa.v2i2.2677

PontodeAcesso. ISSN: 1981-6766