APLICAÇÕES DE ARQUITETURA CONCEITUAL EM PLATAFORMAS E-GOV: DA GESTÃO DA INFORMAÇÃO PÚBLICA À CONSTRUÇÃO DA SOCIEDADE DO CONHECIMENTO

Roberto Carlos dos Santos Pacheco, Vinícius Medina Kern, Andrea Valéria Steil

Resumo


Partindo-se da realidade da sociedade do conhecimento, este artigo apresenta uma arquitetura conceitual para o desenvolvimento de plataformas de governo para geração e disseminação de informações e de conhecimento baseada nos seguintes princípios: abrangência de usuários, construção colaborativa, perspectiva internacional, multi-plataforma, respeito aos atores e processos do domínio. A arquitetura possibilita a construção de plataformas e-gov de forma gradual e consistente, constituindo-se em uma fundação que permite antever a realização dos estágios mais avançados de governo eletrônico atualmente conhecidos. O artigo apresenta três exemplos de plataformas e-gov desenvolvidas com o uso da arquitetura conceitual e o seu potencial transformador das ações governamentais: a Plataforma Lattes, o Portal Inovação e o Portal SINAES. O artigo também discute o papel das plataformas e-gov na construção da sociedade do conhecimento.

Palavras-chave: governo eletrônico; plataformas e-gov; informação em ciência e tecnologia; Portal Inovação; Portal SINAES; engenharia do conhecimento.

Palavras-chave


Governo eletrônico; plataformas e-gov; informação em ciência e tecnologia; Portal Inovação; Portal SINAES; engenharia do conhecimento.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/1981-6766rpa.v1i1.1394

PontodeAcesso. ISSN: 1981-6766