AS CONTRIBUIÇÕES EDUCACIONAIS DE FLORESTAN FERNANDES: O DEBATE COM A PEDAGOGIA NOVA E A CENTRALIDADE DA CATEGORIA REVOLUÇÃO.

Gilcilene de Oliveira Damasceno Barão

Resumo


Este trabalho teve como objeto de análise os escritos educacionais de Florestan Fernandes produzidos nas décadas de 50 e 60. Para isso foi investigado o universo categorial presente em sua produção, que se consolida a partir de 1950, com destaque para as categorias revolução e luta de classes e sua aplicação teórica na abordagem da realidade brasileira. Trabalhou-se com as seguintes fontes de pesquisa: as produções do autor, entrevistas, correspondências e transcrição de aulas por ele ministradas. A opção de pesquisar a temática da revolução foi essencial para o inventário das contribuições educacionais, por permitir o conhecimento de seu arcabouço teórico sobre imperialismo total, a periodização do capitalismo no Brasil, o capitalismo dependente, e a noção de época histórica. Essa metodologia tornou possível redimensionar as análises sobre suas contribuições educacionais, especialmente sua interlocução crítica com a Pedagogia Nova no Brasil e nos Estados Unidos, respectivamente com Anísio Teixeira e Kilpatrick. O inventário das contribuições educacionais de Florestan tem as seguintes temáticas: a vida universitária e o fazer docente; os projetos editoriais: contribuições ao desenvolvimento cultural e intelectual do estudante; a interlocução e a crítica à Pedagogia Nova; referências teóricas a uma pedagogia crítica; implicações educacionais das categorias “revolução” e “luta de classes”. As pesquisas sobre marxismo e educação, na realidade brasileira, devem considerar as contribuições teóricas das produções de Florestan Fernandes, pois o seu arcabouço teórico apresenta referências fundamentais para as problemáticas vinculadas à vida e aos dilemas sociais que afetam o homem no capitalismo dependente. 


Palavras-chave


Florestan Fernandes; Capitalismo dependente; Revolução; História da educação; Pedagogia nova;

Texto completo:

PDF


Direitos autorais 2018 Germinal: Marxismo e Educação em Debate

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Germinal: Marx. Educ. em Debate, Salvador - ISSN: 2175-5604.