A FUNCIONAL CRISE DO ENSINO JURIDICO DE MATRIZ LIBERAL: DO ESCOLASTICISMO AO EFICIENTISMO – O DOUTRINAMENTO DA CRIMINOLOGIA

Jackson Silva Leal

Resumo


Neste trabalho se analisa o ensino do direito, e, mais especificamente o ensino da criminologia como parte de projeto de governabilidade social, política, cultural que se manifesta com um controle que é burguês, sexista e racista e que se operacionaliza no primado do jurídico que se dá a partir do império da lei no marco do positivismo jurídico formalista. Nesta linha que se dedica atenção ao ensino da criminologia, tendo em vista que congrega dois elementos de analise interligados, o ensino do direito, que estuda como se transmite o conhecimento e que conhecimento na área do direito neste paradigma de reducionismo à esfera dos códigos, leis, funcionamento das instancias judiciais, e também, a problemática da criminologia e o ensino da criminologia, sendo a disciplina cientifica que busca a compreensão das relações entre fato definido como crime e as instâncias oficiais de criminalização, e como o contemporâneo paradigma jurídico e de ensino do direito influencia nesta disciplina, e com isso, na compreensão que se tem do crime, e do sistema. O presente trabalho é construído eminentemente a partir de referencial bibliográfico e pauta-se por uma analise permitida do acúmulo teórico-empírico da criminologia crítica.


Palavras-chave


ensino do direito; criminologia crítica; crise; funcionalidade; império da lei;

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/gmed.v6i1.9507

Direitos autorais 2018 Germinal: Marxismo e Educação em Debate

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Germinal: Marx. Educ. em Debate, Salvador - ISSN: 2175-5604.