A TEORIA DO PROFESSOR REFLEXIVO E OS EQUÍVOCOS DA IDENTIDADE ENTRE ENSINO E PESQUISA NA FORMAÇÃO DOCENTE.

Cláudio Félix dos Santos, Marta Loula Dourado Viana

Resumo


O presente texto argumenta sobre a não identidade entre ensino e pesquisa no desenvolvimento do trabalho educativo e na formação do professor. Trata-se de problematizar uma questão há algum tempo defendida pelas correntes hegemônicas no campo educativo que preconiza ser a pesquisa em detrimento do ensino uma forma mais eficaz, avançada e promissora no processo de aprendizagem. No texto nos posicionamos contrários a essa perspectiva e formulamos, a partir da Pedagogia Histórico-Crítica, algumas críticas e indicações para o enfrentamento da hegemônica teoria do professor reflexivo na formação docente.

 


Palavras-chave


Escola Nova; Teoria do Professor Reflexivo; Pedagogia Histórico-Crítica; ensino; pesquisa.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/gmed.v3i2.9454

Direitos autorais 2018 Germinal: Marxismo e Educação em Debate

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Germinal: Marx. Educ. em Debate, Salvador - ISSN: 2175-5604.