A práxis marxista e o intelectual orgânico em Gramsci: a emancipação humana como horizonte

Regis Clemente da Costa

Resumo


Esse artigo tem como objetivo discutir o conceito de práxis em Marx, o conceito de intelectual orgânico em Gramsci e as suas inter-relações em vista da efetivação emancipação humana, uma vez que, em ambos, está contida a concepção teórico-práxica, inerente ao método materialista histórico e dialético. O artigo traz a fundamentação dos conceitos a partir das obras de Marx, Marx e Engels e de Gramsci, assim como de comentadores. É possível inferir, que a práxis, segundo a perspectiva de Marx requer sujeitos concretos para sua efetivação e esse conceito está diretamente relacionado ao intelectual orgânico, na obra de Gramsci. Ambos, portanto, atuam na perspectiva da efetivação da emancipação humana.

Palavras-chave


Práxis marxista; Intelectual orgânico; Emancipação humana

Texto completo:

PDF

Referências


CHATELET. Francois. Logos e praxis. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1972.

GRAMSCI, Antonio. Cadernos do cárcere. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, v. 1. 1999.

GRAMSCI, Antonio. Cadernos do cárcere. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, v. 2. 2001.

GRAMSCI, Antonio. Cadernos do cárcere. 3. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, v. 3. 2007.

LIGUORI, Guido; VOZA, Pasquale. (Org.). Dicionário Gramsciano. São Paulo: Boitempo. 2017.

LENIN, Vladimir. I. Que Fazer? São Paulo: Hucitec, 1978.

MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. A ideologia alemã. São Paulo: Martins Fontes, 2001.

MARX, Karl. Crítica da filosofia do direito de Hegel. 2. ed. São Paulo: Boitempo, 2010a.

MARX, Karl. Glosas críticas: marginais ao artigo “O Rei da Prússia e a Reforma Social”. De um Prussiano. São Paulo: Expressão Popular, 2010b.

MARX, Karl. Sobre a questão judaica. São Paulo: Boitempo, 2010c.

MARX, Karl. O Capital: crítica da economia política - Livro 1. 21. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2003. v. 1.

SCHLESENER, Anita Helena. Hegemonia e cultura: Gramsci. Curitiba: Editora UFPR, 1992.

TONET, Ivo. Educação, cidadania e emancipação humana. Unijuí (RS): Ed.Unijuí, 2005.

VÁZQUEZ, Adolfo Sánchez. Filosofia da Práxis. 2. ed. São Paulo, 2011.

VIEIRA, Carlos Eduardo. Historicismo, cultura e formação humana no pensamento de Antônio Gramsci. 1999, 283 f. Tese (Doutorado em Educação) – Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, 1999.

VIEIRA, Carlos Eduardo. Intelegentsia e intelectuais: sentidos, conceitos e possibilidades para a história intelectual. Revista Brasileira de História da Educação. v. 8, nº 1, 2008. Disponível em: . Acesso em: 16 set. 2016.




DOI: http://dx.doi.org/10.9771/gmed.v11i3.33635

Direitos autorais 2020 Germinal: Marxismo e Educação em Debate

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Germinal: Marx. Educ. em Debate, Salvador - ISSN: 2175-5604.