O MÉTODO DE MARX: DIMENSÕES FILOSÓFICA, POLÍTICA E TEÓRICO-CIENTÍFICA

Manoel Gonçalves dos Santos, Luiz Bezerra Neto

Resumo


O presente artigo visa discorrer sobre o método de Marx, no sentido de buscar perscrutar, problematizar e apresentar suas dimensões filosófica, política e teórico-científica, entendendo-as como faces que, no método marxiano, se apresentam de forma imbricadas e inseparáveis. A discussão empreendida sustenta que, numa época em que o meio acadêmico está eivado de tendências teórico-epistemológicas que encaminham pesquisas e produção de conhecimento de caráter pulverizado, mistificado e acrítico, reconhecer e registrar a consistência do método de Marx enquanto orientação teórico-epistemológica constitui procedimento que se pode qualificar de revolucionário, pelos desdobramentos que tal ação pode vir a proporcionar no curso da vida dos homens em sociedade. Explicitadas e problematizadas as dimensões supramencionadas do método marxiano, conclui-se que o mesmo reveste-se de inquestionável potencial e operacionalização factível para geração de conhecimento qualificado e engajado com as necessárias lutas que são requeridas pelas conjunturas que cercam as sociedades regidas pelo capital.


Palavras-chave


Método de Marx; Filosofia; Política.

Texto completo:

PDF

Referências


COLLIN, Denis. Epicuro e a formação do pensamento de Karl Marx. In: POLITEIA: História e Sociedade. Vitória da Conquista, v. 6, n. 1, p. 15-27, 2006.

HEGEL, G.W.F. Fenomenologia do espírito. Petrópolis: Vozes, 2005.

MARX, K. Diferenças entre as filosofias da natureza em Demócrito e Epicuro. Trad. Conceição Jardim e Eduardo Lúcio Nogueira. Lisboa: Editorial Presença, 1972.

MARX. K & ENGELS, F. A sagrada família ou Crítica da crítica crítica. São Paulo, Boitempo, 2003.

MARX, K. Contribuição à crítica da economia política. Trad. Florestan Fernandes. 2. ed. São Paulo: Expressão popular, 2008. (Livro que eu trabalhei na disciplina)

MARX, K. ENGELS, F. A ideologia alemã. Trad. Álvaro Pina. São Paulo: Expressão popular, 2009.

MARX. K & ENGELS, F. Textos. Volume 2. São Paulo: Edições sociais, 1976.

MÉSZÁROS, I. O conceito de dialética em Lukács. São Paulo: Boitempo, 2013.

MARX, K. Miséria da filosofia: resposta à Filosofia da miséria, do Sr. Proudhon. São Paulo: Expressão popular, 2009.

NETTO, J. P. Introdução ao estudo do método de Marx. São Paulo: Expressão popular, 2011.

TONET, I. Método científico: uma abordagem ontológica. São Paulo: Instituto Lukács, 2013.




DOI: http://dx.doi.org/10.9771/gmed.v10i1.26135

Direitos autorais 2018 Germinal: Marxismo e Educação em Debate

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Germinal: Marx. Educ. em Debate, Salvador - ISSN: 2175-5604.