EDUCAÇÃO É A BASE: UMA LEITURA MATERIALISTA DAS RELAÇÕES DE PODER DO SISTEMA DO CAPITAL

João Pedro Antunes de Paulo

Resumo


O interesse central deste texto é discutir a reprodutividade de valores e ideais capitalistas por meio da educação. Tomando como fundamentação teórica uma perspectiva materialista, fundamentada em autores como Marx e Engels, Lígia Martins, Maggie Brasil e Mészáros, apresentamos uma leitura do atual quadro da educação na sociedade do capital, para dar visibilidade a nossa perspectiva de como as praticas produtivistas alicerçadas em políticas públicas que fomentam a individualidade e competitividade transformam a educação dos dias de hoje em um meio de mediação e reprodução das relações de poder do sistema do capital. Apontamos então interrogações para se pensar que homem está sendo formado por esta educação e quais os objetivos que esta formação atende. Apresentamos por fim, as contribuições que Mészáros aponta para a superação deste quadro e articulando nossas reflexões às conclusões do autor argumentamos em direção a uma nova ordem sociometabólica.

Palavras-chave


Política educacional; Trabalho; Capitalismo; Formação

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL, Maggie Nunes. A pedagogia contida na forma de produzir capitalista. In: MASCARENHAS, Angela Cristina Belém (Org.). Educação e trabalho na sociedade capitalista: reprodução e contraposição. Goiânia: Editora UCG, 2005, p. 9-48.

MARTINS, Lígia Márcia. Da formação humana em Marx à crítica da pedagogia das competências. In: DUARTE, Newton (Org.). Crítica ao fetichismo da individualidade. São Paulo: Autores Associados, 2004. p. 53-74

MARX, Karl; ENGELS, Friedrich. A ideologia alemã. Trad. Luís Cláudio de Castro e Costa. São Paulo: Martins Fontes. 1998.

MÉSZÁROS, István. Educação para além do capital. Trad. Isa Tavares. São Paulo: Boitempo, 2005.

MÉSZÁROS, István. Para além do capital: rumo a uma teoria da transição. Trad. Paulo César Castanheira, Sérgio Lessa. 1. ed. rev. São Paulo: Boitempo, 2011.

MÉSZÁROS, István. A montanha que devemos conquistar: reflexões acerca do Estado. Trad. Maria Izabel Lagoa. 1. ed. São Paulo: Boitempo, 2015.

SAVIANI, Dermeval. Sobre a natureza e especificidade da educação. Em Aberto, ano 3, n. 22, jul/ago, 1984. p. 1-7. Disponível em acesso em 30 jun. 2017

SHIROMA, Eneida Oto; MORAES, Maria Célia Marcondes de; EVANGELISTA, Olinda. Política educacional. 4. ed. 1. reimp. Rio de Janeiro: Lamparina, 2011.




DOI: http://dx.doi.org/10.9771/gmed.v10i2.25675

Direitos autorais 2018 Germinal: Marxismo e Educação em Debate

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Germinal: Marx. Educ. em Debate, Salvador - ISSN: 2175-5604.