Ebolição frente ao ajuste na Argentina: a cleptocracia desafiada

Claudio Katz

Resumo


Na Argentina, cresce a resistência contra as reformas de Macri e os professoresprotagonizam asbatalhasprincipais. Concomitantemente, também aumenta a revolta contra a complacência das liderançassindicais. Por diferentes formas, o governoreforça a agenda neoliberal. Mas enfrenta a persistente estagnação da economia e se depara comgraves acusações de corrupção. De um lado, nãoconsegueimporsua agenda e, de outro,vaiperdendo a homogeneidade. Paralelamente, há grandes mudanças no nível de organização e conscientização popular.

Palavras-chave


Tradição marxista

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/gmed.v9i3.22994

Direitos autorais 2018 Germinal: Marxismo e Educação em Debate

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Germinal: Marx. Educ. em Debate, Salvador - ISSN: 2175-5604.