EDUCAÇÃO E MERCANTILIZAÇÃO EM MEIO À TORMENTA POLÍTICO-ECONÔMICA DO BRASIL

Roberto Leher, Paolo Vittória, Vania Cardoso Motta

Resumo


O artigo apresenta, de um modo esquemático, o contexto da conjuntura no qual ocorrem as novas orientações para a educação. Indica, na primeira seção, o que os autores consideram as principais nervuras da crise que levou a debacle do governo do PT, que envolve a restauração do padrão de acumulação semelhante ao da ditadura empresarial-militar.  A seguir, discute as principais alternações nas políticas para a educação básica e superior no contexto da ofensiva neoconservadora que encaminha um processo de intensificação da mercantilização da educação em meio às crises políticas e econômicas.

Palavras-chave


conjuntura político partidária; neoconservadorismo; políticas públicas da educação brasileira; mercantilização da educação

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/gmed.v9i1.21792

ISSN: 2175-5604