CONDIÇÕES DE TRABALHO DOCENTE E SOFRIMENTO PSÍQUICO NO ENSINO SUPERIOR PRIVADO

Vivian Jilou, Sálua Cecílio

Resumo


Apresenta o trabalho docente no ensino superior. Visa compreender a natureza das relações entre organização, condições de trabalho e sofrimento psíquico de professores universitários de duas instituições privadas de uma cidade de Minas Gerais. Estudo qualitativo incluiu pesquisa bibliográfica e de campo. Baseou-se em entrevistas semiestruturadas com 30 professores. O material foi submetido à análise de conteúdo. Constata-se a intensificação do trabalho docente, a precarização e a excessiva carga horária trazem implicações para a saúde mental e física do professor; embora o contrário, realização e prazer, também sejam verdadeiros.


Palavras-chave


Sofrimento psíquico. Organização e condições de trabalho. Trabalho docente.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/gmed.v7i2.13552

Direitos autorais 2018 Germinal: Marxismo e Educação em Debate

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

Germinal: Marx. Educ. em Debate, Salvador - ISSN: 2175-5604.