A Dança na Educação: uma abordagem interdisciplinar da Dança Criativa e o Estudo do Meio em escolas portuguesas

Cristina Rebelo Leandro, Elisabete Monteiro, Filipe Melo (Universidade de Lisboa)

Resumo


Este estudo, quasi-experimental, pretendeu analisar a Dança na perspetiva da Educação pela Arte, como um meio para atingir diferentes fins, proporcionando o desenvolvimento de diferentes saberes e capacidades (DOBBS, 1998). Esta conceção instrumentalista foi ancorada a estudos que sugerem os efeitos positivos da dança na área académica pois as atividades que envolvem o movimento, como a dança, quando relacionadas com os conteúdos das outras áreas curriculares, poderão potenciar as aprendizagens tornando-as ativas, concretas e físicas (ZWIRN, 2005; LAZAROFF, 2001).O objetivo principal da investigação foi estudar o impacto da dança criativa na consolidação da aprendizagem de temas/conceitos da disciplina de Estudo do Meio em crianças do 2.º Ano do 1.º Ciclo Ensino Básico (7/8 anos), em duas escolas portuguesas. A amostra incluiu 8 turmas, perfazendo um total de 117 crianças. Como proposta metodológica apontámos para a intervenção em dois tipos de grupo (experimental e de controlo), com quatro sessões de dança no grupo experimental, tendo os dois grupos sido avaliados em três momentos diferentes (pré-teste, pós-teste e reteste). As conclusões evidenciaram que os alunos que consolidaram os conteúdos nas aulas de dança apresentaram diferenças significativas nos ganhos de aprendizagem do Estudo do Meio, por comparação ao grupo controlo.


Palavras-chave


Dança criativa; aprendizagem interdisciplinar; 1.ºCiclo do Ensino Básico; Estudo do Meio.

Texto completo:

PDF


Dança: Revista do Programa de Pós-Graduação em Dança - ISSN: 2317-3777
Qualis 2013-2016: Artes (C); Comunicação e Informação (B5); Educação (C); Sociologia (B5).
 
Licença Creative Commons
Este obra foi licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 3.0 Não Adaptada.