EFEITOS DOS DIFERENTES AGENTES CLAREADORES DENTAIS SOBRE A RUGOSIDADE SUPERFICIAL DE UMA RESINA COMPOSTA EFFECTS OF DIFFERENT DENTAL BLEACHING AGENTS ON THE SURFACE ROUGHNESS OF A COMPOSITE RESIN

Alex Correia VIEIRA, Mario Cezar Silva de OLIVEIRA, Adriana Castro Vieira ANDRADE, José Bo

Resumo


O clareamento dental tem se tornado um dos tratamentos mais almejados em decorrência dos novos padrões estéticos estabelecidos na sociedade. Entretanto, os agentes clareadores, de uma maneira geral, podem promover efeitos negativos como aumento da rugosidade superficial tanto dos tecidos dentais, quanto dos materiais restauradores, como a resina composta. Desta forma, o objetivo deste trabalho foi avaliar a ação de diferentes clareadores dentais, a base de peróxido de hidrogênio e peróxido de carbamida em diferentes concentrações, sobre a rugosidade superficial de uma resina composta. Neste estudo foi utilizada uma resina composta nanohíbrida que recebeu a aplicação de seis produtos clareadores em diferentes concentrações, peróxido de hidrogênio a 7,5% (G2), 10% (G3) e 35% (G4) e peróxido de carbamida a 10% (G5), 16% (G6) e 37% (G7) e um grupo controle (G1). Foi observado um aumento significante da rugosidade superficial das resinas compostas, após clareamento, tanto nos grupos submetidos à ação do peróxido de hidrogênio, quanto ao peróxido de carbamida em diferentes concentrações. Ambos apresentaram valores mais elevados de rugosidade superficial média em comparação ao grupo que não foi submetido a nenhum agente clareador (G1). De acordo com os resultados encontrados, pode-se concluir que o uso do peróxido de hidrogênio, assim como do peróxido de carbamida, promoveu um aumento da rugosidade superficial média da resina composta testada.

Palavras-chave


Clareamento Dental; Peróxido de Hidrogênio; Resinas Compostas

Texto completo:

PDF


ISSN 0101-8418
Publicação Quadrimestral
Faculdade de Odontologia da Universidade Federal da Bahia
Av. Araújo Pinho 62, Canela
40110-150 Salvador-BA