Fontes energéticas alternativas e o panorama energético do estado da Bahia

Érika Garcez Rocha, Marcelo Silva de Carvalho Delfino

Resumo


Osvaldo Soliano, do Centro Brasileiro de Energia e Mudança Climática, discute as potencialidades e os impactos da geração de energia não derivada de hidrelétricas no Brasil e na Bahia. A energia eólica resulta em impacto ambiental baixo e sua importância deverá crescer nos próximos anos. A energia nuclear não deveria ser uma prioridade em função dos riscos a ela associados. O potencial impacto de outras instalações termoelétricas depende de como aquecem a água: carvão, derivados de petróleo e gás natural contribuem com o efeito estufa e com a poluição local, ao passo que biomassa e processos que concentram a energia solar geram menores impactos. A energia solar possui baixo impacto e a Bahia tem potencial para exportá-la para outros estados brasileiros.

Palavras-chave


Fontes Energéticas alternativas, Eólica, Termelétrica

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.7724/caititu.v1i1.6034

____________________________________________________
Revista CAITITU 
 - aproximando pesquisa ecológica e aplicação

ISSN online: 2318-504X