As esculturas de Konstantin Christoff: traços da plasticidade do grotesco

Maria Elvira Curty

Resumo


Este trabalho pretende discutir os pressupostos da estética do grotesco, tendências e práticas artísticas na contemporaneidade, reconhecendo-as em uma produção pictórica de KonstantinChristoff; (1923-2011), artista plástico, búlgaro, naturalizado e residente na cidade de Montes Claros, Minas Gerais. Nesta análise comparativa abordaremos as esculturas realizadas em 1946 a 2002 que demonstram aspectos que podem ser relacionados com as categorias da estética do grotesco comparando-as com algumas pinturas da série dos Auto-retratos. A arte do grotesco pode oferecer ao artista possibilidades de trabalhar expressões que, embora possam ser consideradas um contrassenso, também podem oferecer uma estética que movimenta e desestabilizaquanto surpreende. Dessa forma, vimos que tanto a escultura quanto a pintura de Konstantin enfatizam a estética do grotesco nas mais diversas propostas.

Palavras-chave


Konstantin; Grotesco; Estética; Escultura

Texto completo:

PDF


Cultura Visual

ISSN 2175-084X (versão eletrônica) ISSN 1516-893X (versão impressa)
Escola de Belas Artes da Universidade Federal da Bahia
Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais (PPGAV)
R. Araújo Pinho 212, Canela, Salvador-Bahia-Brasil, 40110-150
Tel.: (71) 3283-7923 Fax: (71) 3283-7916
Email: mesarte@ufba.br