Mediar a censura: entrevistas com educadoras/es de exposições que sofreram ataques

Cayo Honorato, Graziela Kunsch

Resumo


Considerando que parte significativa das controvérsias culturais, a partir do caso Queermuseu, constitui o próprio material ao qual o trabalho de mediação se dedica – muito embora as mediadoras e educadoras tenham sido muito pouco consultadas publicamente a respeito dessas questões –, julgamos oportuno entrevistar educadoras e educadores de diferentes instituições e exposições envolvidas (Santander Cultural, MAM-SP, MASP e Trienal de Artes do Sesc) sobre sua atuações e eventuais experiências de transformação nesse processo.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/pcr.v11i1.28155


Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-Não Comercial 4.0 Internacional.