Fomento à cultura no Brasil - desafios e oportunidades

Armando Almeida, Carlos Beyrodt Paiva Neto

Resumo


O presente texto apresenta um breve histórico das políticas de fomento à cultura no Brasil. Analisa os limites do modelo atual de fomento, discorre sobre as mudanças ocorridas a partir dos anos 2000 e relata experiências realizadas no âmbito do governo federal e pelos governos estaduais e municipais, que poderiam ser melhor aproveitadas; e aponta alternativas possíveis para a constituição de políticas de fomento com capacidade de lidar mais adequadamente com a complexidade do campo cultural e artístico. Conclui destacando os benefícios da articulação federativa para as políticas de financiamento à cultura.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/pcr.v10i2.24390


Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-Não Comercial 4.0 Internacional.