Controvérsias acerca da certificação de indicação geográfica do Capim Dourado do Jalapão. O caso da Comunidade Mumbuca, Mateiros, TO

José Rogério Lopes, Alex Pizzio Silva

Resumo


O artigo descreve o contexto de produção de artefatos culturais em Capim Dourado, na região do Jalapão, TO, com foco na trajetória da Comunidade Quilombola Extrativista do Mumbuca, localizada no município de Mateiros, e sua correspondência com as políticas culturais. Nesse contexto, as descrições da trajetória da associação local de artesãos e suas parcerias evidenciam condicionantes institucionais e ambientais que afetaram suas técnicas de produção e impuseram dificuldades atuais aos atores. Os processos descritos convergem para a discussão sobre a certificação de indicação geográfica do Capim Dourado, ocorrida na VII Festa da Colheita do Capim Dourado, promovida por aquela comunidade, em 2015, e suas repercussões.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/pcr.v9i2.16001


Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição-Não Comercial 4.0 Internacional.