MAPEAMENTO DO DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO DE PATENTES VERDES RELACIONADAS AO GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS

Normandia de Jesus Brayner dos Santos, Mario Jorge Campos dos Santos

Resumo


O desenvolvimento tecnológico reflete a importância do investimento econômico como mecanismo de incentivo imprescindível para a inovação tecnológica do Brasil. A criação do programa piloto de patentes verdes pelo INPI, constitui um desses mecanismos na área de sustentabilidade, buscando privilegiar a energia alternativa, o transporte, a conservação de energia, a agricultura e o gerenciamento de resíduos sólidos, como participantes de um rol taxativo de categorias aptas a participarem do processo de deferimento de patentes de tecnologias limpas no Brasil, com análise prioritária. A presente pesquisa consiste na realização de um mapeamento tecnológico no programa piloto de patentes verdes do INPI, na categoria específica de gerenciamento de resíduos. Para tanto, foi realizada um mapeamento tecnológico por meio dos bancos de patentes do Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI), onde foram extraídos dados dos documentos de patentes tendo como base as informações obtidas através do relatório quantitativo emitido pelo INPI periodicamente, sobre as tecnologias verdes submetidas ao programa.


Texto completo:

PDF

Referências


BOCCHINO, L. O.; OLIVEIRA, M. C. C.; MAIA, M. S.; PARMA, N.; JELITA, R. R. R. V.; MACHADO, R. F.; PENA, R. M. V. Publicações da Escola da AGU: Propriedade Intelectual - conceitos e procedimentos. Brasília: Advocacia-Geral da União, 2010. 316 p.

BOCCHINO, Leslie de Oliveira; CONCEIÇÃO, Zely; GAUTHIER, Fernando Álvaro Ostuni. Propriedade Intelectual: Principais conceitos e legislação. UTFPR. Curitiba, 2010.

BRASIL. Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação. Secretaria Executiva do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação. Estratégia Nacional da Ciência, Tecnologia e Inovação 2012-2015: Balanço das Atividades Estruturantes 2011. Brasília, 2012.

______. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Diário Oficial [da República Federativa do Brasil], Brasília, DF.

______. Lei nº 10.973, de 2 de dezembro de 2004. Diário Oficial [da República Federativa do Brasil], Brasília, DF.

______. Lei nº 11.196, de 21 de novembro de 2005. Diário Oficial [da República Federativa do Brasil], Brasília, DF.

______. Lei nº 12.305, de 2 de agosto de 2010. Diário Oficial [da República Federativa do Brasil], Brasília, DF.

______. Lei nº 9.279, de 14 de maio de 1996. Diário Oficial [da República Federativa do Brasil], Brasília, DF.

DOS REIS, PATRICIA CARVALHO et al. Programa das Patentes Verdes no Brasil: aliança verde entre o desenvolvimento tecnológico, crescimento econômico e a degradação ambiental. 2013.

FUJINO, A. Ciência da informação: relações entre pesquisa, ensino e prática profissional. Revista EDICIC, v. 1, p. 244-261, 2011.

FUJINO, Asa; PEREIRA, Cesar Antônio; MARICATO, João de Melo. A institucionalização da pesquisa sobre patentes na ciência da informação: evolução e tendências na produção científica. In: Encontro Nacional de Pesquisa em Ciência da Informação, 13, 2012, Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: FIOCRUZ, 2012.

GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. 5.ed. São Paulo: Atlas, 1999.

INPI - Instituto Nacional da Propriedade Industrial. Resolução 283. 2013. Disponível em: < http://www.inpi.gov.br/sobre/legislacao-1/normas_auditoria_final_15_3_2013_c.pdf>. Acesso em: 20 set. 2016.

REIS, Patricia Carvalho et al. Programa das Patentes Verdes no Brasil: aliança verde entre o desenvolvimento tecnológico, crescimento econômico e a degradação ambiental. 2013.

ZIKMUND, W. G. Business research methods. 5.ed. Fort Worth, TX: Dryden, 2000.




DOI: http://dx.doi.org/10.9771/cp.v11i1.23201

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



Rede NIT-NE - Cadernos de Prospecção ISSN:1983-1358 (impresso) / ISSN: 2317-0026 (on-line)