PROSPECÇÃO TECNOLÓGICA RELATIVA A DEPÓSITOS DE PATENTES RELACIONADAS AOS COMPOSTOS BIOATIVOS PRESENTE EM UVAS

Frederico Lopes Amorim, Ismara Santos Rocha, Ederlan de Souza Ferreira, Bruna Aparecida Souza Machado, Marcelo Andrés Umsza Guez

Resumo


Compostos bioativos naturais são substâncias presentes em frutas e hortaliças, que quando ingeridas diariamente, em quantidades estabelecidas, podem ajudar à saúde, como por exemplo, sendo um aliado na prevenção de câncer e de outras doenças. Objetivo deste trabalho foi prospectar pesquisas desenvolvidas com compostos bioativos de uva, verificando numero de patentes e a frequência de depósitos nos países que detêm essa tecnologia. A consulta foi realizada na base Espacenet, utilizando como estratégia de busca o uso das palavras-chaves e códigos para determinar as patentes correspondentes. As patentes começaram a ser depositadas em 1969 e o maior número de depósitos ocorreu em 2005 e 2011, sendo este crescimento devido o avanço tecnológico e com o desenvolvimento de novos produtos e tecnologias. A China, Rússia e Coréia do Sul se apresentaram como os maiores depositantes, sendo que a maioria dos depósitos foram realizados por empresas.

Palavras-chave


Fenólicos; biocompostos; extrato uva

Texto completo:

PDF

Referências


ARVANITOYANNS, I. S.;VARZAKAS., T. H. Fruit/Fruit juice waste management: treatment methods and potential uses of treated waste. In: ARVANITOYANNIS, I. S. Waste Management for the food industries. Amsterdam: Academic Press, 2008. p. 579-628.

BUSTAMANTE, M. A.; M. D. PÉREZ-MURCIA; C. PAREDES; R. MORAL; A. PÉREZ-ESPINOSA; J. MORENO-CASELLES. Short-term carbon and nitrogen mineralisation in soil amended with winery and distillery organic wastes. Bioresource Technology, Amsterdam, v. 98, p. 3269-3277, 2007.

BUSTAMANTE, M. A.; MORAL, R.; PAREDES, C.; PÉREZ-ESPINOSA, A.; MORENO-CASELLES, J.; PÉREZ-MURCIA, M. D. Agrochemical characterisation of the solid by-products and residues from the winery and distillery industry. Waste Management, Amsterdam, v. 28, p. 372-380, 2008.

DOSSIÊ ANTIOXIDANTES. Food Ingredients Brasil, São Paulo, n. 6, p. 16-30, 2009.

EMBRAPA UVA E VINHO. Sistema de produção de vinho tinto. Disponível em: . Acesso em: 05 ago. 2014.

FAO. Food and Agriculture Organization of the United Nations. Statistics Division. Disponível em < http://faostat3.fao.org/home/index.html>. Acesso em: 20 nov. 2014.

LEIFERT, W. A.; ABEYWARDENA, M. Y. Cardioprotective actions of grape polyphenols. Nutrition Research, New York, v. 28, n. 11, p. 729-737, 2008.

NAZCK, M.; SHAHIDHI, F. Extraction and analysis of phenolics in food. Journal of Chromatography A, Amsterdam, v. 1054, n.1/2, p. 95-111, 2004.

PETTI, S.; SCULLY, C. Polyphenols, oral health and disease: A review. Journal of Kidlington, v. 37, n. 6, p. 413-423, 2009.




DOI: http://dx.doi.org/10.9771/s.cprosp.2015.008.088

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



Rede NIT-NE - Cadernos de Prospecção ISSN:1983-1358 (impresso) / ISSN: 2317-0026 (on-line)