INDICAÇÕES GEOGRÁFICAS NO ESTADO DO MARANHÃO: POSSIBILIDADES E PESPECTIVAS

GILVANDA SILVA NUNES, MARIA DA GLORIA ALMEIDA BANDEIRA

Resumo


As Indicações Geográficas (IGs) instituem-se como uma forma de proteção dos produtos ou serviços que se tornaram conhecidos ao longo do tempo por serem oriundos de determinada região ou localidade. Tal proteção, por sua vez, no que se refere à esfera jurídica, decorre do fato das Indicações Geográficas se constituírem um instrumento da Propriedade Industrial. O presente trabalho tem por finalidade verificar o potencial de Indicações Geográficas no Estado do Maranhão. A metodologia utilizada na investigação foi de natureza qualitativa descritiva, onde se procurou primar pela qualidade das informações. O embasamento teórico deste trabalho foi amparado por produções científicas que abordam o tema das Indicações Geográficas na perspectiva da Propriedade Industrial evidenciando a importância das mesmas para o processo de desenvolvimento local e regional. De tal modo, pode-se afirmar que em alguns dos municípios maranhenses, foram identificados grandes potenciais de IGs, tendo como destaque o Abacaxi Turiaçu.

Palavras-chave


indicações geográficas; propriedade intelectual; desenvolvimento local.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/s.cprosp.2015.008.063

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



Rede NIT-NE - Cadernos de Prospecção ISSN:1983-1358 (impresso) / ISSN: 2317-0026 (on-line)