A CONTRIBUIÇÃO DO QUEIJO ARTESANAL SERRANO PARA O DESENVOLVIMENTO REGIONAL E PRESERVAÇÃO DOS CAMPOS DE ALTITUDE DO SUL DO BRASIL

Ulisses de Arruda Córdova, Andréia de Fátima de Meira Batista Ferreira Schlickmann

Resumo


Este artigo tem como objetivo apresentar o estado da arte da evolução histórica e influência cultural do queijo artesanal serrano (QAS) no sul do Brasil. Caracterizar os diferentes sistemas de produção bem como os processos envolvidos em sua fabricação, definindo a identidade territorial do QAS no sul do Brasil. Apresentar principais resultados de pesquisas do Projeto Queijo Artesanal Serrano, apontando as potencialidades, limitações e desafios como signo distinto para o desenvolvimento regional por meio da valorização do produto, capacitação de produtores e legalização do QAS. Busca-se, como desafio, a concessão de uma indicação geográfica e o registro do produto no Livro dos Saberes do Instituto do Patrimônio Histórico Artístico Nacional (Iphan), como patrimônio cultural de natureza imaterial do Brasil. Além da legalização de sua produção e comercialização, tirando-o da informalidade.

Palavras-chave


Saberes locais; indicação geográfica; patrimônio cultural; desenvolvimento regional.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/s.cprosp.2015.001.017

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



Rede NIT-NE - Cadernos de Prospecção ISSN:1983-1358 (impresso) / ISSN: 2317-0026 (on-line)