PROCESSO DE NEGOCIAÇÃO E TRANSFERÊNCIA DE TECNOLOGIA EM UMA INSTITUIÇÃO MULTICAMPI: CASO DO IFBA

Anete Santos Santos, Bruno Araujo Oliveira, Wagna Piller C. Santos, Vivian Patricia Suzart

Resumo


A transferência de tecnologia é um processo pelo qual após o desenvolvimento de um produto ou processo cientifico e tecnológico, o que chamamos de Propriedade Intelectual, por meio de pesquisas, em um ambiente apropriado, principalmente, acadêmico, seu resultado é transferido, através de acordos, parcerias e negociações, para analisar a melhor proposta, a fim de ser aprimorado o seu desenvolvimento e colocado no mercado, com isso contribuindo com o avanço econômico do país, alimentando a competitividade comercial. Esse processo a cada dia tem se firmado no cenário tecnológico de maneira muito contundente e segura, tendo em vista a apropriação do bem intangível e a necessidade de salvaguardar direitos inerentes ao bem intangível. Geralmente, essas transações são firmadas através de contratos, que externa um acordo de vontade celebrada entre partes. Em uma Instituição multicampi não é diferente, todo processo de transferência de tecnologia é centralizada e acompanhada por um departamento especifico, de inovação e transferência tecnológica.

Palavras-chave


transferência tecnológica, contratos, negociação, parcerias

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/s.cprosp.2015.008.026

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



Rede NIT-NE - Cadernos de Prospecção ISSN:1983-1358 (impresso) / ISSN: 2317-0026 (on-line)