PROPRIEDADE INTELECTUAL NA UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA: UMA ANÁLISE DA GESTÃO POR MEIO DOS DOCUMENTOS DE PATENTES

Ivan José Santana Santos, Yara Santana Amaral, Flávia Ferreira Alves, Rodrigo Gava

Resumo


O presente trabalho consistiu em um estudo da gestão da Propriedade Intelectual na Universidade Federal de Viçosa (UFV). Foi utilizado o portfólio de patentes depositadas pela UFV entre 1999 e 2013. Foram utilizados também dados obtidos junto a diferentes órgãos da Instituição e na plataforma Thomson Innovation, com os objetivos de identificar a natureza das invenções, o status dos pedidos, suas classificações, a interação da UFV com outras instituições e seu potencial tecnológico. A UFV se encontra entre as 10 universidades brasileiras mais inovadoras, no entanto ainda existe uma grande discrepância entre seu potencial tecnológico e o número de depósitos de pedidos de patente. Destaca-se a importância da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG), tanto como cotitular dos pedidos de patente da UFV quanto como fomentadora do seu Núcleo de Inovação Tecnológica.

Palavras-chave


Propriedade Intelectual; Patente; Núcleo de Inovação Tecnológica

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/s.cprosp.2015.008.029

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



Rede NIT-NE - Cadernos de Prospecção ISSN:1983-1358 (impresso) / ISSN: 2317-0026 (on-line)