MELHORIAS APLICÁVEIS AO SOFTWARE SIMC COMO FERRAMENTA PARA MAPEAMENTO INSTITUCIONAL E INTERINSTITUCIONAL DE COMPETÊNCIAS

Gesil Sampaio Amarante Segundo, Marcelo da Silva Moura Casademunt

Resumo


Este artigo analisa como o software SIMC tem sido melhorado para melhor aplicabilidade nas instituições de pesquisa como ferramenta para mapeamento de competências. A análise foi desenvolvida através da revisão da estrutura interna do software que visa modelar o sistema através de boas práticas de programação e Engenharia de Software. Para que se tenha uma independência maior de informações interinstitucionais, o SIMC sofreu várias mudanças no carregamento das informações pertinentes aos pesquisadores, e uma maior diversidade dos dados pessoais de produção acadêmica. Buscando atingir uma independência maior com relação à fonte das informações, o SIMC deve utilizar a Plataforma Lattes, que representa a experiência do CNPq na integração de bases de dados de Currículos, de Grupos de pesquisa e de Instituições. Para que isso aconteça, a fonte individual deve fazer uma extração de informações diretamente do banco de dados de cada pesquisador ou membro de instituição de pesquisa.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/S.CPROSP.2014.007.017

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



Rede NIT-NE - Cadernos de Prospecção ISSN:1983-1358 (impresso) / ISSN: 2317-0026 (on-line)