POTENCIAL TECNOLÓGICO DE BIOPOLÍMEROS E CRISTAIS PROTÉICOS RESULTANTES DA BIORREMEDIAÇÃO AMBIENTAL E MICROORGANISMOS

Odete Gonçalves, Saionara Luna, Lauro Tiago Souza Santos, Cristina M. Quintella

Resumo


Este trabalho busca visualizar aspectos de compostos moleculares amida, sua funcionalidade e aplicação industrial, através do mapeamento patentário de bioprocessos, biopolímeros e proteínas cristalizadas. Para isso, utilizou-se a base de dados Espacenet, com as palavras-chave Biopolym*, Crude Oil*, Petrol*, Protein Crystalliz*, Cystein*, Castor Beans*, Reducti*, Chromatograp*, no título ou resumo e aplicou-se classe A01, A021, A23, A61, correspondente à agricultura, pesticidas, etc. Também a classe C05, C07, C08, C9, C12 (química), e G06, G01 (física), todos em base de Classificação de Patente Internacional (IPC). Os resultados mostram aumento significativo de patentes com aminoácido cisteína. Observa-se que biopolímeros e cristais protéicos amida, resultantes de biorremediação com microorganismos (fungos), possuem diversificada aplicação como fármacos antimicrobianos, medicinais, aparelhos eletrônicos e sensores.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/S.CPROSP.2014.007.016

Apontamentos

  • Não há apontamentos.



Rede NIT-NE - Cadernos de Prospecção ISSN:1983-1358 (impresso) / ISSN: 2317-0026 (on-line)