Enfoque da Gestão Social nas ações do conselho municipal da saúde da cidade de Palmas – TO

Rute Andrade dos Santos, Igor Feitosa Lacorte Ayroza

Resumo


Os conselhos municipais, estaduais e federais foram criados a partir da luta pela redemocratização do Brasil, com a Constituição de 1988, os quais devem ser ancorados na democracia e na efetiva deliberação participativa. Pensando nesses espaços e seus objetivos, o presente artigo tem como proposta articular a teoria da Gestão Social a essa temática. A Gestão Social L é um novo campo de estudos vinculados a área da administração, a qual teve grandes contribuições de Tenório e seus seguidores. E para tanto, buscou verificar se o conselho municipal de saúde da cidade de Palmas - TO apresenta características das categorias propostas pela Gestão Social. Utilizou-se como metodologia observações não participantes, entrevistas semiestruturadas e análise de conteúdo utilizando o método de Bardin (2009). Como resultados constatou-se que ainda falta um percurso considerável para o conselho municipal de saúde apresentar as características dos pressupostos teóricos da Gestão Social, embora a pesquisa tenha apresentado resultados que apontam para uma evolução e ascensão da pratica gerencial executada pelo conselho estudado.

Palavras-chave


Gestão Social, Conselhos de Saúde, Controle Social

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. ISSN: 2237-7840