ADOLESCENTES LEEM MACHADO DE ASSIS EM SALA DE AULA

Cristiane de Mesquita Alves

Resumo


A sala de aula é o espaço destinado a trocas de experiências efetivas e de interações entre o texto, os discentes e o docente. Nesse sentido, a leitura compreende um processo de reaprendizado constante, entrelaçando saberes da leitura escolar com a de mundo presentes no repertório de cada leitor. Diante disso, elabora-se o objetivo deste trabalho, baseado em um relato de experiência de leituras em classes de Literatura para alunos do 2º ano do Ensino Médio. O relato se estrutura a partir das impressões e recepções dos textos de Machado de Assis lidos na íntegra em sala de aula por adolescentes nestas turmas, tendo como aportes teóricos a prática do letramento literário de Cosson (2007), assim como as reflexões acerca das práticas de leitura literária na escola e seu papel de formar leitores ativos (ECO, 2015), discutidas pelos autores: Candido (2004), Rouxel (2013), Zilberman (1988) dentre outros, bem como Freire (2003), no que tange à questão do papel docente no processo de ensino-aprendizagem. Além disso, o processo metodológico se organizou por meio de aulas analítico-expositivas, e as análises e as escolhas dos textos machadianos apresentados resultam das discussões realizadas em sala de aula.

Palavras-chave


Leitura literária; Machado de Assis; Sala de aula.

Texto completo:

PDF

Referências


ASSIS, M. Contos. Obra Completa em quatro volumes: vol. 2. 2ª ed. Rio de Janeiro: Nova Aguiar, 2008.

CANDIDO. A. Vários Escritos. 4ª ed. São Paulo/Rio de Janeiro: Duas Cidades/Ouro sobre Azul, 2004.

CARDOSO, R. D. Livrarias e escolas: espaços de mediação. In: AGUIAR, V.T.; MARTHA, A.A.P. (Org). Territórios da leitura: da literatura aos leitores. São Paulo: Cultura Acadêmica; ANEP, 2006.

COSSON, R. Letramento Literário: teoria e prática. 1ª ed. São Paulo: Contexto, 2007.

ECO. U. Os limites da interpretação. 2ª ed. 4ª reimp. Trad. Pérola de Carvalho. São Paulo: Perspectiva, 2015.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à pratica docente. 27ª ed. São Paulo: Paz e Terra, 2003.

ROUXEL, A. Aspectos metodológicos do ensino da Literatura. In: DALVI, M.A.; REZENDE, N.L.; JOVER-FALEIROS. R. (Org). Leitura de Literatura Literária. São Paulo: Parábola, 2013.

ZILBERMAN, R. A leitura e o ensino da Literatura. São Paulo: Contexto, 1988.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Inventário. ISSN: 1679-1347

Instituto de Letras. Rua Barão de Jeremoabo, nº 147 CEP: 40170-115
Campus Universitário Ondina, Salvador-BA
Telefone Geral: 55-71-3283-6256

Créditos da capa: Leila França Rocha (vencedora de concurso realizado no ILUFBA em 2002).