A COMPOSIÇÃO NARRATIVA TRIPARTITE EM A NOITE E O RISO DE NUNO BRAGANÇA

Eliane Cristina Perry

Resumo


Este artigo evidencia e desdobra alguns aspectos vitais concernentes à instância narrativa da obra A noite e o riso, de Nuno Bragança: como se configura o narrador protagonista deste romance, suas atuações e interatuações, bem como seu deslocamento no decorrer do texto em direção às demais personagens. Como movimento preambular, algumas particularidades biográficas do autor foram vertidas a lume, além de uma breve contextualização acerca de suas obras e do panorama literário português dos anos 60 e 70. Em um segundo momento procedeu-se a análise aprofundada dos três painéis que compõem o romance, tendo como baliza alguns aspectos tais como a arquiestrutura organizacional, temáticas e narratividade. Ao final, constata-se no plano narrativo a busca por uma identidade de cunho próprio e consequentemente uma não subserviência à tradição.

Palavras-chave


Literatura portuguesa; Nuno Bragança; Técnica Narrativa

Texto completo:

PDF

Referências


BAKHTIN, Mikhail. Estética da Criação Verbal. São Paulo: Martins Fontes, 2003.

BRAGANÇA, Nuno. A noite e o riso. 3ª ed. Lisboa: Moraes Editora, 1978. [Publicado originalmente em 1969].

BOOTH, Wayne C. A retórica da ficção. Tradução de: Maria Teresa H. Guerreiro. Lisboa: Arcádia, 1980.

FARIA, Almeida. O conquistador. Lisboa: Caminho, 1990.

GUARESCHI, Pedrinho. Alteridade e relação: uma perspectiva crítica. [ensaio] In: ARRUDA, Angela. Representando a alteridade. Petrópolis, RJ: Editora Vozes, 2002.

GUSMÃO, Manuel. Prefácio. [ensaio]. In: BRAGANÇA, Nuno. A noite e o riso. 3ª ed. Lisboa: Moraes Editora, 1978.

MAGRIS, Claudio. Alfabetos. Ensaios de Literatura. Tradução de: Maria Célia Martirani. Curitiba: Editora UFPR, 2012.

MENDONÇA, Fernando. A literatura portuguesa no século XX. São Paulo: HUCITEC, 1973.

REIS, Carlos. História Crítica da Literatura Portuguesa. [Do neorrealismo ao post- modernismo]. Volume IX. Lisboa: VERBO Editorial, 2005.

TADIÉ, Jean-Yves. O romance no século XX. Tradução de Miguel Serras Pereira Lisboa. Lisboa: D. Quixote, 1992. [Publicado originalmente em 1990].


Apontamentos

  • Não há apontamentos.

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários


Revista Inventário. ISSN: 1679-1347

Instituto de Letras. Rua Barão de Jeremoabo, nº 147 CEP: 40170-115
Campus Universitário Ondina, Salvador-BA
Telefone Geral: 55-71-3283-6256

Créditos da capa: Leila França Rocha (vencedora de concurso realizado no ILUFBA em 2002).