O Peso de ser mulher

Juliana Prestes de Oliveira, Amanda Laís Jacobsen de Oliveira, Nícollas Cayann Teixeira Dutra

Resumo


Este trabalho é uma reflexão acerca do conto "Peso", de Margaret Atwood. Nele é dicutido as situações de violências vivenciadas pelas mulheres, bem como o peso de ser uma mulher em uma sociedade patriarcal e machista. A autora também traz à tona, por meio dos pensamentos da protagonista sobre sua vida e o que está fazendo no momento da narrativa, questões relacionadas aos papeis sociais impostos às mulheres. Os modos que as mulheres precisam encontrar para, sem parecer subversiva aos olhos dos homens, conseguir o que desejam e lutar contra as amarras patriarcais.

Palavras-chave


Peso; mulher; Margaret Atwood

Texto completo:

PDF

Referências


ATWOOD, Margaret. Peso. In: CHAO, Stéphane. Antologia panamericana. Rio de Janeiro: Record, 2010. p. 233-247.

FIRESTONE, Shulamith. A dialética do sexo. Trad. Vera Regina Rebelo. [s./l.]: Editorial Labor do Brasil, 1976.

IRIGARAY, Luce. Yo, tu, nosotras. Trad. Pepa Linhares. Madrid: Cátedra, 1992.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Inventário. ISSN: 1679-1347

Instituto de Letras. Rua Barão de Jeremoabo, nº 147 CEP: 40170-115
Campus Universitário Ondina, Salvador-BA
Telefone Geral: 55-71-3283-6256

Créditos da capa: Leila França Rocha (vencedora de concurso realizado no ILUFBA em 2002).