O SARGENTO, A POLÍCIA E O HUDSON NA OBRA SARGENTO GETÚLIO

Mylena Fernanda Ribeiro

Resumo


Sargento Getúlio é a obra de destaque deste texto, em especial, buscamos apontar alguns elementos da obra e dialogar com eles sobre época em que o romance fora publicado (1971) e também com a data que a história do romance se passa, por volta de 1950. A polícia é certamente um grande marco para a década de 50 e aparece no livro, pois Getúlio é nominado sargento por interesses políticos de seu patrão, Antunes, e o jogo político dá margem a toda a trama que envolvem os jogos de poder, política e assassinatos legalizados por este “poder”. O Hudson também é um traço interessante que mostra a modernização que a sociedade vivia na época. Um carro tipicamente americano, em terras estrangeiras e ainda pouco modernizadas, sucumbindo diante do cenário. O sargento e suas transformações ao longo da história não poderia ficar de fora, pois é através de seu olhar que observamos todo o restante que o circunda e o marca. Ele também passa por situações que transformam quem ele é e que mostram especificidades do personagem e é elas que vamos mostrar ao longo do texto.

Palavras-chave


Sargento Getúlio; Polícia; Hudson

Texto completo:

PDF

Referências


BELO, F. R. R. Dominação e Violência, entre a história e a ficção: Uma análise de Sargento Getúlio, de João Ubaldo Ribeiro. Belo Horizonte Faculdade de Letras – UFMG, Dezembro de 2007.

HALL, S. Notas sobre a desconstrução do “Popular”. In: Da diaspora: Identidades e mediacoes culturais; Organização Liv Sovik; - Belo Horizonte: Editora UFMG; Brasilia: Representacao da UNESCO no Brasil, 2003.

PELLEGRINI. T. A narrativa brasileira contemporânea: emergência do pós-modernismo. Revista de Letras, PUCAMP, Campinas 13(1/2): 48-59, dez., 1994.

RIBEIRO, J. U. Sargento Getúlio. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1982.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Inventário. ISSN: 1679-1347

Instituto de Letras. Rua Barão de Jeremoabo, nº 147 CEP: 40170-115
Campus Universitário Ondina, Salvador-BA
Telefone Geral: 55-71-3283-6256

Créditos da capa: Leila França Rocha (vencedora de concurso realizado no ILUFBA em 2002).