Contribuições Brasileiras na Composição para Violino, Viola e Viola Pomposa

Zoltan Paulinyi

Resumo


A história do violino é notoriamente ligada ao Brasil no desenvolvimento organológico do arco. Para ampliar o panorama das contribuições originais brasileiras também no repertório, notáveis composições podem ser agrupadas em três fases cronológicas a partir do século XX: (1) inovação técnica, (2) caracterização de estilo, (3) expansão técnica. Na parte técnica, Flausino Vale foi um dos primeiros a registrar o uso de sotto le corde, e novos autores, como Crowl, Paulinyi e Carvalho, buscam diferentes combinações de harmonia, timbre e disposição espacial. Na caracterização estilística, Villa-Lobos, Guarnieri, Lacerda, Guerra-Peixe, Mahle e Santoro protagonizaram forte embate ideológico, resultando num cenário atual que Prado denominou de "linguagem múltipla".

Palavras-chave


Música; Musicologia histórica; Composição

Texto completo:

Sem título () PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/ictus.v12i2.34377

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ICTUS Music Journal Versão digital do Periódico ICTUS
ISSN: 1516-2737 | e-ISSN: 2238-6599

2020 © ICTUS Music Journal