A utilização dos ditos populares e da observação do tempo para a Climatologia Escolar no Ensino Fundamental II

Diego Corrêa Maia, Ana Cláudia Nogueira Maia

Resumo


A atual realidade escolar no Brasil demonstra que o ensino de Climatologia não tem sido desenvolvido no Ensino Fundamental II, ou, quando ocorre, é ministrado baseado na Climatologia tradicional e separativa, cujos fatores e elementos do clima são analisados individualmente, retratando-se a natureza de forma estática e totalmente destituída do real. Através da observação dos elementos do clima, pretende-se demonstrar que o aprendizado dos “conteúdos climatológicos” pode ser auxiliado através dos ditos populares. O que se almeja neste artigo é demonstrar que, a partir da observação espontânea (diária) do tempo e do clima, com o auxílio dos ditos populares, os alunos do Ensino Fundamental II podem compreender as relações do tempo e do clima, assim como sua previsão. É necessário para esta atividade um período contínuo de observação para estabelecer a sequência habitual dos tipos de tempo de uma determinada estação do ano. O modo popular de prever o tempo foi iniciado desde que o homem se fixou em cavernas; no entanto, este hábito vem se perdendo em função da urbanização da sociedade. Para reforçar a importância dos provérbios populares para prever o tempo, realizar-se-á um pequeno histórico do nascimento da meteorologia popular, até a sua relevância destacada nos Parâmetros Curriculares Nacionais de Geografia.

Abstract

THE USE OF SAYINGS AND THE WEATHER FOR THE TEACHING SCHOOL CLIMATOLOGY OF FUNDAMENTAL SCHOOL II

The school reality in Brazil shows that Climatology teach has not been developed in the Fundamental School II, or, when it occurs, is done based in traditional and classic Climatology, which factors and weather elements are analyzed individually, retracting nature in a static way and totally disconnected from the reality. Through the weather elements observation, it is intended to demonstrate of learnig the “climatologic contents” which can be verified through the popular proverbs. This study wants to show that, from the spontaneous daily observation of time and weather, with helps from the popular proverbs, the students of Fundamental School II may understand the relation of time and weather, as well as your prediction, taking the necessary precaution. For this activity is necessary a period of continuum observation to establish a sequential habit of the different types of weather from a specific season. The popular way of predict the weather started when men moved to caves, in the meantime, this habit have been get lost because of the society urbanization. To reinforce the importance of the popular proverbs to predict the weather, will be realized a brief historic of popular meteorology beginning until its relevance spotted by the National Curriculum Parameters for Geography.

Palavras-chave


Climatologia escolar; Ditos populares; Ensino Fundamental II; Previsão do tempo e do clima e parâmetros curriculares nacionais

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/1984-5537geo.v6i1.4305

GeoTextos. ISSN eletrônico: 1984-5537
                 ISSN impresso: 1809-189X