ENTREVISTA COM IRAY GALRÃO

Alda Britto da Motta, Josimara Delgado, Vanessa Ribeiro Simon Cavalcanti

Resumo


Iray Galrão, nascida no interior baiano (Ubaíra) é contista, foi professora no ensino básico, falante de Yorubá e criadora de inúmeras redes de apoio para comunidades e fomento à história e à literatura afro-brasileira. Ganhadora do Prêmio de Literatura da COPENE com o livro O Anjinho Jojó (1999), versando sobre pluralidade e igualdade racial, sua trajetória sempre esteve vinculada à literatura e aos estudos africanos. Como destaque, vale ressaltar o lançamento do livro Lendas Africanas, pela Kalango (2009) e Lendas Indígenas (2011). Esteve à frente da Casa do Benin como coordenadora de intercâmbio e foi professora de Religiões de Matriz Africana e de Lendas Africanas do curso de Especialização promovido pela Federação dos Trabalhadores Públicos do Estado da Bahia (FETRAB) e pela Associação Classista de Educação da Bahia (ACEB).

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.