O conceito de bildung como fundamento epistemológico das histórias de vida

Ana Mouraz

Resumo


O conceito de bildung designa o modo especificamente humano de dar forma às disposições e capacidades naturais do homem e, por isso, o tempo (histórico) e a auto apropriação do sentido da transformação, que a cada um assiste, são dimensões essenciais à bildung. Todavia, a tradição tem associado este conceito, especificamente, à formação geral que valoriza o termo geral como uma intrínseca qualidade do conhecimento que deve ser pensado universalmente… Neste texto apresenta-se o conceito de bildung e discute-se a possibilidade de constituir fundamento epistemológico das histórias de vida. Conclui-se pela necessidade de articular uma abordagem antropológica da ciência a uma perspectiva hermenêutica de entender as histórias de vida, para que tal fundamentação aconteça.

Palavras-chave


Educação; Epistemologia da Educação; Hermenêutica; História de vida.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/2317-1219rf.v4i2.9096

Revista entreideias: educação, cultura e sociedade, desde 2012. ISSN: 2317-1219 (online)
www.entreideias.ufba.br
Antiga Revista da FACED, desde 1994