IMPLEMENTAÇÃO DE NÚCLEO DE SEGURANÇA DO PACIENTE EM UNIDADE DE PRONTO ATENDIMENTO: PERSPECTIVAS DOS ENFERMEIROS

Simone Graziele Silva Cunha, Gabriela Santos Clemente, Larissa Franciele Simões Almeida, Andréia Guerra Siman, Maria José Menezes Brito

Resumo


Objetivo: compreender a implementação do Núcleo de Segurança do Paciente em uma Unidade de Pronto Atendimento na perspectiva dos enfermeiros. Método: estudo de caso qualitativo, realizado em uma Unidade de Pronto Atendimento em um município da Região Centro-Oeste de Minas Gerais, Brasil, com a participação de 12 enfermeiros. Os dados foram coletados de setembro a novembro de 2019, por meio de entrevista guiada por roteiro semiestruturado, Técnica do Gibi e observação. Para a análise adotou-se a análise de conteúdo. Resultados: emergiram duas categorias temáticas: Desafios da implementação do Núcleo de Segurança do Paciente e Facilidades da implementação do Núcleo de Segurança do Paciente. Conclusão: foram identificados fragilidades e desafios que impactam no processo de implementação do núcleo e consequentemente no cuidado ao paciente, o que pode servir para subsidiar a implantação de novos  Núcleos de Segurança do Paciente em serviços de saúde.

Descritores: Serviços Médicos de Emergência. Enfermagem. Segurança do Paciente.


Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.18471/rbe.v34.36216

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

ISSN 2178-8650 (eletrônico)

ISSN 0102-5430 (impresso)  

Licença Creative Commons
A Revista Baiana de Enfermagem utiliza a Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

A Revista Baiana de Enfermagem é membro da Associação Brasileira de Editores Científicos.

http://www.revenf.bvs.br/scielo.php?lng=pt