TRANSTORNOS AUTÍSTICOS E ESTRATÉGIAS PROMOTORAS DE CUIDADOS: REVISÃO INTEGRATIVA

Andréa Maria Alves Vilar, Márcia Farias de Oliveira, Marilda Andrade, Zenith Rosa Silvino

Resumo


Objetivo: analisar a produção científica brasileira recente sobre Transtornos do Espectro Autista, identificando as estratégias de cuidados investigadas. Método: revisão integrativa de literatura na base de dados LILACS e na biblioteca
virtual SciELO. Foram selecionados artigos publicados entre 2011 e 2017, utilizando os descritores Transtorno Autístico, Síndrome de Asperger e Síndrome de Rett. Resultados: vinte e quatro artigos foram caracterizados e analisados descritivamente, com exposição dos seus níveis de evidência. Doze estudos (50%) representavam pesquisas descritivas, nível de evidência VI. Onze estudos (45,8%) equivaliam a delineamento não experimental, nível de evidência IV. A estratégia mais estudada foi de diagnóstico e avaliação para a prática clínica, com aplicação de instrumentos já validados, seguida de avaliação de resultados terapêuticos. Conclusão: a produção científica brasileira atual sobre Transtorno do Espectro Autista mostrou-se direcionada para o enfoque diagnóstico nas áreas de fonoaudiologia e psicologia.
Descritores: Transtorno Autístico. Síndrome de Asperger. Síndrome de Rett.


Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.18471/rbe.v33.28118

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

 

ISSN 2178-8650 (eletrônico)

ISSN 0102-5430 (impresso)  

Licença Creative Commons
A Revista Baiana de Enfermagem utiliza a Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

A Revista Baiana de Enfermagem é membro da Associação Brasileira de Editores Científicos.

http://www.revenf.bvs.br/scielo.php?lng=pt