Narrativa como mediação fundamental da experiência dos acontecimentos: a mise en intrigue midiática // Narrative as a fundamental mediation of event’s experience: the mise en intrigue of media

Carlos Alberto de Carvalho, Leandro Rodrigues Lage

Resumo


O conceito de acontecimento tem ocupado cada vez mais lugar central em estudos comunicacionais de diversos enfoques. Daí a necessidade de se reconhecer a importância das formas de narrá-lo para que ele seja compreendido e faça compreender. Neste artigo, partimos das potencialidades teóricas e metodológicas do conceito de acontecimento desde as visadas pragmatista e hermenêutica para indicar alguns dos modos como o acontecimento, na atualidade, está sujeito às afecções vindas do seu apanhar pelas mídias. As mediações narrativas implicadas no vir à luz do acontecimento e nas disputas dos sentidos aí operadas constituem um dos pontos de partida de nossas reflexões, que culminam numa problematização do trabalho narrativo de configuração dos acontecimentos operado pelas mídias. A conciliação das duas perspectivas se revela caminho profícuo para uma análise mais atenta das formas de compreensão da experiência dos acontecimentos através das mediações narrativas.

Palavras-chave


Acontecimento; Narrativa; Mídia

Texto completo:

PDF () PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/1809-9386contemporanea.v10i1.5804