A Crítica Jornalística na Era do Receptor Empoderado // Journalistic Criticism In the Age of the Empowered Receiver

Eduardo Cintra Torres

Resumo


A nova explosão comunicacional do século XXI tem implicações, não só para as estratégias dos media, como para a existência, conteúdo e forma de géneros muito específicos do jornalismo, como a crítica de televisão. Neste artigo, começo por uma descrição analítica breve deste género nas primeiras décadas de existência do media, para passar depois à análise do lugar da crítica no âmbito da nova explosão comunicacional; a seguir, faço uma pausa para reflectir sobre duas reacções diferentes a respeito da crítica literária no novo ambiente mediático, e termino com algumas sugestões do que deve ser hoje a crítica de televisão para poder considerar-se útil, necessária e para sobreviver com visibilidade e responsabilidade na era do receptor empoderado.

Palavras-chave


crítica jornalística; televisão

Texto completo:

Sem título () PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/1809-9386contemporanea.v9i1.4921