A influência das alterações endócrinas e do estresse durante o ciclo menstrual sobre o periodonto

Luciana Koser Oliveira, Luciana Mattos Barros Oliveira

Resumo


O caráter multifatorial das doenças periodontais inclui o hospedeiro como fator essencial, quando um desequilíbrio frente à agressão bacteriana e sua capacidade de resposta levariam ao aparecimento de sinais clínicos da inflamação dos tecidos periodontais. Assim, a redução das defesas do hospedeiro, devido às alterações hormonais e/ou fatores psicossociais, resultaria no aparecimento de uma das formas da doença periodontal. Os hormônios sexuais exercem um efeito significativo nas mulheres e, particularmente, no que diz respeito aos tecidos periodontais, influenciam uma série de mudanças em mecanismos celulares. O estrógeno é um dos responsáveis por estas alterações, especialmente as vasculares, e a progesterona estimula a produção de mediadores da inflamação. Nas mulheres, é flagrado um aumento da produção de hormônios sexuais durante a ovulação que resulta no aumento da inflamação gengival. Esta revisão de literatura se propõe a analisar a influência das alterações hormonais e do estresse, durante o ciclo menstrual, sobre o periodonto.

Palavras-chave


Ciclo menstrual. Periodontite. Estresse psicológico.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/cmbio.v10i3.5891

Direitos autorais

CAPESCAPES-PERIODICOS CNPq BVS FAPESB UFBA ICS PPORGSISTEM

ISSN(impresso): 1677-5090 / ISSN(eletrônico): 2236-5222