A Pesquisa Identitária e o Sujeito que Pesquisa

Carlos Henrique de Brito Furquim

Resumo


O presente ensaio revisita o sujeito descentralizado em Stuart Hall e Judith Butller ao unir em suas reflexões o olhar queer a partir de uma discussão que perpassa a relação entre Linguagem e Identidade, e o olhar da branquitude incomodada, uma vez que ao trabalhar com a perspectiva da interseccionalidade é possível investigar melhor a relação entre os eixos de gênero, sexualidade, raça, etnia, por exemplo, a partir do que nos é apresentado no percurso de uma investigação científica. Tendo o princípio de que a pesquisa identitária tem o poder de cura, este breve texto apresenta inquietações do percurso inicial de uma pesquisa em andamento. Sendo assim, o autor, ao escrever o texto, coloca-se também como protagonista da investigação identitária.


Palavras-chave


Pesquisa Identitária, Lampião da Esquina, Linguística Aplicada Crítica

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.9771/cgd.v5i1.31914



Direitos autorais 2019 Cadernos de Gênero e Diversidade

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

 

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.